sexta-feira, julho 10, 2020
Início Internacional Homem é preso e indiciado por estuprar e engravidar criança de 10...

Homem é preso e indiciado por estuprar e engravidar criança de 10 anos no Recife

Segundo polícia, exame de DNA comprovou que ele é o pai de menino que nasceu quando a vítima completou 11 anos. Garota é sobrinha da companheira do suspeito.

Um homem de 38 anos foi preso e indiciado pela Polícia Civil por estuprar e engravidar a sobrinha da companheira dele, na Zona Oeste do Recife. A garota tinha 10 anos quando descobriu a gestação e, aos 11 anos, deu à luz um menino. Segundo a polícia, exames de DNA comprovam que a criança é filha do suspeito, que já está no presídio.

As informações sobre a prisão e o indiciamento do homem, que não teve o nome divulgado para não prejudicar a vítima, foram repassadas nesta quinta-feira (25), durante entrevista coletiva no Recife.

A captura ocorreu na quinta-feira (18), na mesma região onde aconteceram os crimes. O homem seguiu para o Centro de Triagem e Observação Criminológica (Cotel), em Abreu e Lima, na Região Metropolitana. Ele pode pegar até 15 anos de prisão por estupro de vulnerável, que ocorre quando a vítima de menos de 14 anos.

A menina morava com a tia e com o companheiro dela desde os 6 anos de idade, segundo a polícia. A corporação ainda não conseguiu estabelecer quando os abusos tiveram início nem se ocorriam dentro de casa.

“A garota não colaborou com a investigação. Acredito que, agora, com a divulgação do resultado do exame genético, que comprova a paternidade, ela esclareça alguns detalhes, durante o depoimento especial já solicitado”, comentou o delegado Darlson Macêdo, gestor do Departamento de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA).

O policial disse, ainda, que o suspeito e a menina negam que a criança tenha sido concebida durante um estupro. “Temos várias hipóteses para justificar o fato de a menina não querer denunciar o companheiro da tia. Pode ser por medo ou por ela ter se afeiçoado a ele”, comentou.

Sobre a negativa do homem, o delegado disse que se trata de “cara de pau”. Macedo informou que ele chegou a dizer que a menina poderia ter ficado grávida ao usar o banheiro depois dele.

“A gente não deixa de se chocar com a frieza e a crueldade. É uma barbaridade. Uma criança que vivia sob os cuidados desse indivíduo e ele abusava dela. Foi uma gravidez de risco. A agente atuou com rigor na espera que ele seja severamente punido e condenado”, afirmou.

O delgado disse, ainda, que a gravidez foi descoberta quando a menina chegou a um hospital infantil de referência no Recife para fazer um exame. Elas estava com a barriga crescida e a mãe e a tia diziam que poderiam ser um cisto.

“Fizeram o exame no hospital e detectaram a gravidez, encaminhando o caso para a delegacia. A prisão preventiva dele já foi decretada, mesmo ele mantendo a negativa após a divulgação do resultado do teste de DNA”, comentou Macêdo.

O gestor do DPCA ressaltou que é preciso que pais e responsáveis fiquem atentos ao comportamento das crianças, caso desconfiem do um abuso sexual.

“As crianças mudam o comportamento e podem até reproduzir nos brinquedos o que sofrem. É preciso observar”, declarou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular

Coronavírus: Aras diz ao STF que recomendação a procuradores não fere independência do MP

CNMP recomendou que, se não houver consenso científico sobre política a ser adotada, poder local pode escolher qual orientação seguir sem...

James Rodriguez pode não atuar mais pelo Real Madrid, diz imprensa espanhola

Deixado de fora da lista de relacionados para a partida do Real Madrid, líder do Campeonato Espanhol, diante do Alavés, James Rodriguez pode não...

Diniz garante São Paulo motivado na volta do Campeonato Paulista

Fernando Diniz, técnico do , aprovou a volta do Campeonato Paulista em 22 de julho. Com duas semanas para recolocar seu time em campo, o...

Governo decide prorrogar até novembro presença das Forças Armadas na Amazônia Legal

Informação foi divulgada pela Secretaria-Geral da Presidência; decreto em vigor vale até esta sexta (10). Operação Verde Brasil visa combater desmatamento ilegal e focos...

Recent Comments